restaurantes - Lisboa e Vale do Tejo

  • Colaboração: José Manuel Alves - Webmaster do Gastronomias.com
        Imprimir

RESTAURANTES

Almourol

    Avenida e Cais de Tancos, 2 | Tancos, Vila Nova da Barquinha 2260-314, Portugal
    tel. 249 720 100

    A funcionar desde 1991, o Restaurante Almourol é uma referência em Vila Nova da Barquinha.
    Destaca-se pelos sabores tradicionais e regionais. Delicie-se com um Bacalhau à lagareiro ou uma Feijoada de gambas. Se visitar o espaço no mês de março, renda-se aos sabores do sável e da lampreia. Não saía de lá sem provar a encharcada.

Casa da Dizima

Casa da Dizima

    Rua Costa Pinto 17
    PAÇO DE ARCOS
    Telefone: 214462965

    Era aqui que era deixado um décimo de tudo o que chegava e era comercializado no porto de Paço de Arcos, para depois ser entregue ao rei.
    Situado num dos locais privilegiados da linha de Cascais, com uma vista fantástica sobre o Tejo, pode-se desfrutar de uma cozinha tradicional e internacional.
    Mais de 600 referencias de vinho.

Museu da Cerveja

    HORÁRIO DA CERVEJARIA:
    Todos os dias das 12:00H às 24:00H
    + 351 210 987 656
    Terreiro do Paço – Ala Nascente
    Nº 62 a 65, 1100-148 Lisboa

    No piso térreo fica o Espaço de Cervejaria, onde o convívio se associa à revelação dos sabores da cerveja e da gastronomia.
    Os petiscos ao fim da tarde, os bifes tão ao gosto dos lisboetas, o pastel de bacalhau com ou sem queijo da serra, ou o marisco com uma cerveja a gosto, fazem a festa.

Casa de Linhares

Casa de Linhares

    Arco de Jesus 7
    1100 033 LISBOA
    Tel: 218865088

    O Palácio dos Condes de Linhares (antiga família nobre descendente de D. Fernando I) alberga hoje uma casa de fado, de ambiente elegante e requintado. Aqui cantam alguns nomes bem conhecidos, como Ana Moura, Mafalda Arnauth, Marina Mota, Jorge Fernando, entre outros.
    Pelo seu elenco, pela cozinha premiada, pela beleza das salas e qualidade do serviço, este é o mais recomendado espaço de tradição lisboeta.

La Trattoria

La Trattoria

    Rua da Artilharia 1 - 79
    1250-038 Lisboa
    Lotação: 120 lugares

    Reabriu em Março de 2004 após obras de remodelação que tornaram o espaço mais amplo e aberto. Aos almoços funciona em sistema de buffet, servindo também bifes e pizzas, e aos jantares o serviço é à carta.
    Especialidades: Insalata La Trattoria vinagrete); Carpaccio di Carne; Funghi al Forno.Risotto La Trattoria ; Filetto Alla Trattoria ; Tiramissú; Cioccolato in crosta e fondente; Panna Cotta.

O Mercado

    Mercado Rosa Agulhas
    Rua Leão de Oliveira
    Alcântara - Lisboa
    Tel. 21 364 91 13

    Mesmo debaixo da Ponte 25 de Abril, fica o Mercado Rosa Agulhas, em Alcântara, acolhe este espaço de restauração agradável e bem conseguido. Instalado numa sala ampla e paredes de vidro que permitem a entrada de luz natural.
    A ementa oferece uma vasta escolha de pratos de peixe e carne, sobressaindo a frescura e a qualidade dos ingredientes

O Pavão

    R. Dona Estefânia 108
    1000-005 Lisboa
    Telefone: 213 531 491
    lotação: 75 lugares
    Encerra ao Domingo

    Num ambiente agradável, pode degustar algumas das iguarias apresentadas na ementa do restaurante O Pavão.
    Restaurante com peixe fresco e mariscos vivos.
    Gastronomia regional e tradicional portuguesa.

O Palácio

    Rua Prior do Crato 142
    1350 Lisboa
    Telefone: 21 396 1647


    Na cervejaria, restaurante e marisqueira "O Palácio" o marisco é rei: da Lagosta à Amêijoa, todos os deliciosos frutos que o mar nos oferece, estão presentes numa perfeita simbiose entre a melhor qualidade e a mais esmerada confecção. Encerra à 5ª feira.

Eleven

Eleven

    Rua Marquês da Fronteira
    Jardim Amália Rodrigues
    1070 LISBOA
    Tel: 213862211
    Lotação: 135 lugares

    A cozinha, da responsabilidade do chefe Joachim Koerper, "alemão de nascimento e mediterrânico de adopção", baseia a sua oferta em pratos confeccionados com os melhores produtos nacionais disponíveis, apresentando uma ementa renovada a cada estação.



Pub

Pub

Pub


Lisboa e Vale do Tejo


Lisboa e Vale do Tejo, também denominada Estremadura e Ribatejo é uma região de Portugal, que compreende integralmente o Distrito de Lisboa, quase a totalidade do Distrito de Santarém, cerca de metade do Distrito de Setúbal e cerca de um terço do Distrito de Leiria. Limita a norte com a Região Centro, a leste e a sul com o Alentejo, e a sul e oeste com o Oceano Atlântico.

Em 5 de Novembro de 2002, o Governo português atendendo à realidade sócio-económica da região (NUTS II) de Lisboa e Vale do Tejo – muito divergente daquela que, em 1986, estivera por detrás do primeiro desenho das NUTS II portuguesas e tendo em vista uma mais equitativa distribuição dos fundos europeus (dado que as sub-regiões estatísticas da Grande Lisboa e Península de Setúbal eram substancialmente mais ricas do que as restantes três sub-regiões da Lezíria do Tejo, Médio Tejo e Oeste, e a manutenção da região, tal como estava desenhada, acarretaria a perda global dos fundos comunitários), deliberou, para que as regiões menos desenvolvidas não perdessem o acesso aos fundos comunitários, extinguir a NUTS II de Lisboa e de Vale do Tejo, repartindo-a da seguinte forma: para a Região Centro transitaram as sub-regiões do Oeste e Médio Tejo; para a região do Alentejo passou a Lezíria do Tejo e com remanescentes regiões da Grande Lisboa e Península de Setúbal criou a região estatística de Lisboa.

Região estatística (NUTS II) vs. CCDR
Note-se, no entanto, que esta extinção apenas teve efeito ao nível da nomenclatura territorial para fins estatísticos europeus (NUTS). Continua a existir, ao nível da administração indirecta do Estado, a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional (CCDR) de Lisboa e Vale do Tejo, cobrindo a mesma superfície da região, e com responsabilidades, ao nível do planeamento regional, das políticas do meio ambiente, conservação da natureza, ordenamento do território e cidades.


| Voltar à página Principal dos Restaurantes |


| Açores | Algarve | Alentejo | Beiras | Lisboa e Vale do Tejo | Madeira | Porto e Norte |







Autora Felícia
Sampaio
chef

Editora culinária do Gastronomias (Roteiro Gastronómico de Portugal) desde 1997. "Sou apaixonada por gastronomia e quero transmitir-lhe essa paixão na minha comida de conforto, algumas receitas tradicionais, e sobremesas soberbas"...

Dica Bolo fofo a qualquer hora..
Verifique se você tem todos os ingredientes, acenda o forno e unte a forma. O bolo cresce melhor se assado logo após o preparo da massa.

Use os ingredientes em temperatura ambiente, nunca gelados.

Bata as claras até que fiquem firmes, mas não passe do ponto, pois a massa pode ressecar.

Se a receita pedir para alternar ingredientes secos e líquidos, comece e acabe pela farinha.

Não guarde o fermento na geladeira, porque mudanças de temperatura tendem a alterar seu sabor e textura.

Para verificar se ele está bom, coloque um pouquinho de fermento em um copo de água em temperatura ambiente. Se o pó borbulhar como um efervescente, significa que ainda pode ser usado.

Bolos de chocolate ganham um tom avermelhado se você acrescentar uma pitada de bicarbonato de sódio durante o preparo.